Gerenciamento de projetos – Kit mínimo 2/3

 

Fala GP, tudo bem?

No último post sobre o kit mínimo falamos um pouquinho sobre escopo. Daremos continuidade a série de 3 publicações e nesta falaremos sobre gerenciamento de tempo.

A maioria das pessoas imagina que definir os “tempos” de um projeto significa sentar na frente do computador e começar a desenvolver gráficos de PERT. Mas isso não é verdadeiro, uma vez que, neste estágio, ainda não possuímos informações suficientes para gerar o “famoso” cronograma. O objetivo desta etapa é a definição do tempo estimado do projeto.

Para tanto, alguns passos devem ser realizados, sendo que o primeiro é definir a seqüência de execução das atividades identificadas através dos “work packages” do WBS e as dependências entre si.

Existem dois tipos de dependência:

  1. Dependência obrigatória, que deve ser declarada por exigência do processo. Por exemplo, na reforma de uma casa não podemos iniciar a pintura de uma parede sem que ela exista.
  2. Dependência discricionária, que deve ser declarada apenas para auxiliar no processo de gerenciamento.

Observar que a seqüência/dependência de uma atividade não deve ser estabelecida em função do recurso (profissional) que irá desenvolvê-la.

O segundo passo é a definição da duração das atividades, para cuja realização há alguns recursos disponíveis, como:

  1. Modelos paramétricos, como APF e COCOMO, que são modelos utilizados pela engenharia de software para a estimativa de esforço de desenvolvimento de um sistema.
  2. Opinião especializada, com profissionais que já desenvolveram atividades semelhantes.
  3. Base histórica, relativa a informações sobre projetos semelhantes.

O terceiro passo é identificar os perfis dos recursos necessários à execução da atividade. Pronto! Uma vez finalizadas essas etapas, podemos começar a desenvolver o cronograma propriamente dito, referente ao projeto.

No próximo e último post falaremos um pouquinho sobre custos.

Um forte abraço.

 

Jacque Torres

Sem respostas.

Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *