Certificações para Gerentes de Projetos

Falaaaa GP, tudo bem?

Percebi que nos meus artigos anteriores tenho focado muito em um público mais avançado nessa área de gestão de projetos. Pensando em dar uma luz para aqueles que estão iniciando nessa área agora resolvi escrever hoje sobre as certificações.

Sempre que eu me encontro com essa: qual a importância da certificação? Ou quais certificações existem? O que eu preciso fazer para me certificar:

 

PMP

Project Management Professional (PMP), a certificação mais conhecida para um gerente de projetos, ao contrário de outras certificações, essa não se concentra em um domínio, ela engloba todo o corpo do conhecimento do gerenciamento de projetos.

Atualmente é a certificação mais conhecida no Brasil e ainda é um diferencial para o profissional, apesar de que para alguns projetos ela já é considerada um pré-requisito.

Eu já escrevi um artigo sobre isso aqui no blog, de uma conferida.

Pré-requisitos

As regras diferem um pouquinho e acordo com o seu nível de formação:

  • 7.500 horas em atividades de coordenação, liderança ou gestão de projetos, caso você não tenha nível superior; caso você tenha nível superior são exigidas 4.500 horas;

Importante lembrar que essas horas devem ser distribuídas em quatro anos!

  • 35 horas de educação formal em gerenciamento de projetos;

A prova não é nada fácil, requer muita dedicação no processo de preparação e também muito conhecimento prático para que as questões situacionais possam ser respondidas com mais facilidade. Eu já escrevi sobre o processo de estudo da certificação PMP, dá uma olhadinha e veja como você pode se preparar para a prova.

PgMP

Outra certificação é a PgMP, Program Management Professional, esse profissional conduz vários projetos de forma paralela e obtém resultados que não seriam alcançados caso os projetos fossem tratados separadamente. A liderança desse profissional é fundamental.

O processo de certificação consiste em uma entrevista com uma banca examinadora e uma prova de 170 questões.

Essa certificação é voltada para profissionais com vasta experiência em gestão de programas e precisam se diferenciar ainda mais no mercado.

Pré-requisitos:

  • Profissional sem nível superior:
    • 6.000 horas de experiência em gerenciamento de projeto;
    • 10.500 horas de experiência em gerenciamento de programas;
  • Profissional com nível superior:
    • 6.000 horas de experiência em gerenciamento de projeto;
    • 6.000 horas de experiência em gerenciamento de programas;

PfMP

Essa é uma certificação relativamente nova no PMI e é voltada para profissionais que cuidam de um Portfólio de projetos na empresa.

A certificação Portfolio Management Professional, é voltada para os profissionais que alinham projetos, programas e operações com objetivos estratégicos, investindo recursos no trabalho certo para entregar o valor esperado.

O processo de certificação consiste em uma entrevista com uma banca examinadora e uma prova de 170 questões.

Assim como o PgMP essa é uma certificação voltada para profissionais muito experientes e que querem estar sempre atualizados e se diferenciando no mercado de trabalho.

Pré-requisitos:

  • Profissional sem ensino superior:
    • No mínimo 8 horas de experiência profissional;
    • 10.500 horas de experiência em gerenciamento de portfólio;
  • Profissional com ensino superior:
    • No mínimo 8 horas de experiência profissional;
    • 6.000 horas de experiência em gerenciamento de portfólio;

CAPM

Praticamente o primeiro nível de certificação do PMI, a Certified Associate in Project Management, reconhece seu conhecimento básico e padrão das boas práticas de gerenciamento de projetos.

É voltada para profissionais que estão iniciando na área de projetos.

Pré-requisitos:

  • 1.500 horas de experiência no gerenciamento de projetos; (sem ensino superior)

Ou

  • 23 horas de educação de gerenciamento de projetos; (com ensino superior)

PMI-PBA 

Um dos principais fatores de fracasso de um projeto é a definição de seus requisitos/escopo de forma inadequada ou incompleta.

A Certificação PMI Professional in Busness Analysis, apoia certifica justamente o conhecimento necessário para um analista de negócio.

Pré-requisitos:

  • Profissional sem nível superior
    • 7.500 horas de experiência como analista de negócio;
    • 2.000 horas de experiência como membro de uma equipe de projetos;
    • 35 horas de treinamento formal em Análise de negócio;
  • Profissional com nível superior
    • 4.500 horas de experiência como analista de negócio;
    • 2.000 horas de experiência como membro de uma equipe de projetos;
    • 35 horas de treinamento formal em Análise de negócio;

 

PMI- RMP

Certificação PMI Risk Management Professional (PMI- RMP), destaca sua capacidade de identificar e avaliar os riscos do projeto.

É uma forma de atestar a sua especialidade em uma das áreas de conhecimento mais importantes do corpo do conhecimento de um projeto.

Pré-requisitos:

  • Profissional sem nível superior
    • 4.500 horas de experiência em gerenciamento de riscos;
    • 40 horas de treinamento formal em Gestão de Riscos;
  • Profissional com nível superior
    • 3.000 horas de experiência em gerenciamento de riscos;
    • 30 horas de treinamento formal em Gestão de Riscos;

 

PMI-SP 

Certificação PMI-SP, PMI Scheduling Professional, o PMI-SP reconhecerá seu conhecimento e habilidade para gerenciar os cronogramas do projeto e prazos de um projeto.

É uma forma de atestar a sua especialidade em uma das áreas de conhecimento mais importantes do corpo do conhecimento de um projeto.

Pré-requisitos: ;

  • Profissional sem nível superior
    • 5.000 horas de experiência em gerenciamento de cronogramas e prazos do projeto;
    • 40 horas de treinamento formal em Gestão de Cronogramas;
  • Profissional com nível superior
    • 3.500 horas de experiência em gerenciamento de cronogramas e prazos do projeto;
    • 30 horas de treinamento formal em Gestão de Cronogramas;

PMI-ACP

Certificação PMI-ACP, PMI Agile Certified Practitioner é voltada para profissionais que utilizam os métodos ágeis de gerenciamento de projetos.

Pré-requisitos;

  • 2.000 horas de experiência como membro de equipe;
  • 500 horas de experiência em projetos que utilizam métodos ágeis;
  • 21 horas de treinamento formal em práticas ágeis;

 

Qual certificação devo tirar? Por que?

Como já foi mencionado, cada uma dessas certificações tem sua devida importância, cada uma com suas diferenças e com seu público bem definido.

Por exemplo, a certificação PMP é a que tem mais reconhecimento e torna-se quase que um pré-requisito para um bom GP, já a CAPM é perfeita para quem ainda está começando, pois trata-se de uma certificação que não exige tanto tempo de experiência, mas com certeza irá acrescentar muito à sua vida profissional.

Uma certificação pode abrir muitas portas para um profissional, o ajudará muito a se diferenciar, porém não será garantia de grande sucesso em todos os seus projetos.

Sou super favorável às certificações, inclusive, tenho algumas sopas de letrinhas no meu currículo rs, mas precisamos ter clareza que uma certificação sozinha não molda um profissional. Existem outras habilidades bem importantes que não podem ser atestadas apenas com um processo seletivo.

Bora estudar, bora se diferenciar e bora projetizar nossas ações.

Um forte abraço!

#facaNaCaveira  #projetizando #GPdePegada #missaoDadaMissaoCumprida #focaQueDa #focaNoBeneficio

Adicionar um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *